Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

LEONISMOS

03 de Junho, 2020

Mês do Orgulho: Recordar os 50 anos de Stonewall, em Nova Iorque

Leonardo Rodrigues

8C8F029A-FC93-497D-8D2E-893B8BABF26A.jpeg

Fui à minha primeira marcha do Orgulho em 2016. Não tivesse ido, os meus últimos 4 anos teriam sido muito diferentes. Não vou mentir, hesitei, justificava que podia ser ativista doutras formas, escrevendo, dando o exemplo, falando com outros. Não me identificava com a Marcha, com as cores, com a música, com a excentricidade. Na verdade, fui talvez apenas porque estava a escrever e fotografar para o dezanove. Depressa me ambientei, conheci e abracei pessoas, entrevistei outras. Senti-me parte da comunidade, onde constavam pessoas que não podiam ser mais diferentes - assexuados, poli-amorosos, travestis, drag queens, transexuais, com mais ou menos roupa, uns para festejar outros para reivindicar. Uma grande família a lutar pelo mesmo, que se traduz em algo muito simples: visibilidade para direitos humanos.

Esse dia não foi só importante porque conheci o meu atual namorado. Percebi que achava que não acrescentava nada ir, não pelas pessoas e o que representavam, mas porque a falta de confiança em mim não estava resolvida, e isso impedia-me de estar num grupo de pessoas confiantes - que deixavam os medos em casa.

Este ano, devido à atual pandemia, não haverá marcha física. Por isso, neste post, irei recordar quando, no ano passado, em Nova Iorque, debaixo do sol escaldante e rodeado por betão que abraça o calor, marchei na primeira marcha do dia - aquela onde não chegam os patrocínios, a "anticapitalista", uma vez que, embora seja de louvar o apoio das marcas, consideramos que esta mantém o seu caráter reivindicativo original. Marchar com o Daniel, junto daquele mar de pessoas, noutra língua, num espírito de fraternidade sem igual, foi como se estivesse no epicentro de um abraço gigante a todos nós. Nesse abraço assinalámos os 50 anos de Stonewall. 

Foi nessa altura da história em Greenwhich Village, na gigante ilha de Manhattan, que o movimento ganhou a força necessária há 50 anos. Devido às políticas anti LGBT, na altura, as pessoas pertencentes a esta comunidade podiam ser expulsas de qualquer estabelecimento por demonstrarem quem eram. Stonewall Inn, que entretanto fechou e reabriu noutro sítio, era um bar que na altura servia de porto seguro para a comunidade LGBTI nova iorquina. Há precisamente 51 anos houve lá uma rusga, com o pretexto de não terem uma licença para vender álcool -  o que não era verdade. Embora com um falso pretexto, a polícia agiu de forma violenta, agredindo, verificando, sem respeito, se os genitais correspondiam às roupas, e detendo violentamente funcionários e drag queens. Perante isto, um pouco como está a acontecer agora, as pessoas saíram à rua e insurgiram-se contra este comportamento - nem sempre de forma pacífica. Uma luta que cresceu durante vários dias, expandindo-se a vários bairros.

Meses depois surgiram as primeiras organizações LGBT. No ano seguinte, aconteceu aquilo a que conhecemos hoje como a Marcha do Orgulho. Parece demasiado distante, mas só há meio século é que em Nova Iorque reuniram-se as condições para dizermos basta, reivindicar e atingir direitos iguais. Este mês de junho, embora sejam 51 anos de Stonewall, são 50 anos de marchas de orgulho. Agarrámos o mês de junho porque precisamos dele, afinal não nascemos em todos os cantos do mundo com os mesmo direitos, muito menos respeito. 

Recordem connosco: 

18296FBD-4F34-41C5-9794-BCE6114D3F20.jpeg

11888F98-AA27-49C2-BF1D-83D20148D849.jpeg

77787EA2-A488-47A0-9D33-672BA4716698.jpeg

A44430BD-F15A-48E1-896E-6088A382DD5F.jpeg

_DSC2974.JPG

184EC40B-3D51-4370-9777-E286B68836EF.jpeg

EF58F977-AAD0-48D0-AAA6-A1FEB8752EC9.jpeg

1BC0C8FB-015E-4536-8911-F256935B5436.jpeg

F5469ED9-E5A4-448A-90E3-05B19072D4A1.jpeg

CC96290A-4C9E-4286-B555-B8C0D743C4C0.jpeg

12B5679C-8835-4465-BE74-2288A922D5DF.jpeg

8CFE710E-3BB9-47E5-836B-FC6C113C50C4.jpeg

_DSC2960.JPG

EE48D7F4-B55E-4A02-83FA-BA68AF4F53A6.jpeg

BB73D004-D1BD-4AAA-B83D-072034BBEC56.jpeg

7DCC84DA-97C4-4837-8070-338EDB41B1A4.jpeg

 

3B4EE3B6-5D28-40BB-808A-5A199506DA39.jpeg

 

Acompanha o Blog Leonismos no Facebook, Twitter e Instagram